REDE DOS EMISSORES PORTUGUESES

Associação Nacional de Radioamadores
Instituição de Carácter Científico e de Utilidade Pública
Secção Portuguesa da IARU desde 1931

RTTY

   Antes de existir rádio, existiam teleimpressoras (abreviado TTY), um sistema de envio de texto impresso digitando num terminal ligado por fios a uma máquina similar remota. Os militares começaram a ligar teleimpressoras a rádios HF durante a Segunda Guerra Mundial. Este foi o nascimento da radioteleimpressão ou RTTY.

   Antes da proliferação de computadores pessoais, os Radioamadores conseguiam arranjar teleimpressoras em segunda mão, modificando-as para conseguir sinais que pudessem ser transmitidos e recebidos através de transceptores HF. Hoje em dia uma instalação de RTTY consiste em 3 partes: um computador, um modem, e um transceiver SSB.

   A operação consiste em digitar a mensagem no teclado do computador. O programa de terminal envia os caracteres pela porta série para o modem, traduz os caracteres em sinais em tons que são enviados para a entrada de áudio do transceptor. Na estação receptora, o áudio recebido é traduzido pelo modem em caracteres, que por sua vez são enviados para o ecrã do computador através da porta série e do programa de terminal. Hoje em dia é também possível eliminar o modem usando a placa de som do computador e programas adequados.

Os radioamadores usam vários tipos de RTTY.

Baudot (assim chamado em honra do engenheiro francês Émile Baudot) é um método de transmissão de caracteres alfanuméricos através de fios ou ligações rádio. Baudot é por vezes designado por International Teletype Alfabet 2 (ITA2). Permite letras, números e um número limitado de símbolos de pontuação através de um código de cinco bits. Como cinco bits por carácter permite apenas 32 símbolos, a alfabeto é sempre enviado em maiúsculas. O Baudot RTTY é forma mais usada de RTTY nas bandas amadoras de HF.

ASCII (acrónimo para American Standard Code for Information Interchange) é uma forma de RTTY que transmite sete bits por símbolo. ASCII é o mesmo código usado na maior parte dos computadores modernos. Contém todo o alfabeto em maiúsculas e minúsculas, pontuação e caracteres especiais.


Webmaster CT1END